segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Ficha: Beholder

   A pedido de minha amiga Cynthia, vou mostrar a ficha de um bicho feio Beholder. Seguirei a ficha de um Beholder de D&D 3.5. Enjoy!


   BEHOLDER


Um beholder é uma orbe com 2,7 m de diâmetro, dominado por um olho central e u
ma mandíbula enorme, repleta de dentes. Dez olhos menores projetam-se de hastes no topo da esfera corporal.


Aberração (Grande)

Dados de Vida: 11d8+44 (93 PV)

Iniciativa: +6

Deslocamento: 1,5 m (1 quadrado), vôo 6 m (bom)

Classe de Armadura: 26 (-1 tamanho, +2 Des, +15 natural), toque 11, surpresa 24

Ataque Base/Agarrar: +8/+12

Ataque: Toque à distância: raios ópticos +9 e corpo a corpo: mordida +2 (dano: 2d4)

Espaço/Alcance: 3 m/1,5 m

Ataques Especiais: Raios ópticos

Qualidades Especiais: Visão 360º, cone antimagia, visão no escuro 18 m, vôo

Testes de Resistência: Fort +9, Ref +5, Von +11

Habilidades: For 10, Des 14, Con 18, Int 17, Sab 15, Car 15

Perícias: Conhecimento (arcano) +17, Esconder-se +12, Observar +22, Ouvir +18, Procurar +21, Sobrevivência +2 (+4 seguindo rastros)

Talentos: Fortitude Maior, Iniciativa Aprimorada, Investida Aérea, Prontidão, Vontade de Ferro

Ambiente: Colinas frias

Organização: Solitário, casal ou aglomerado (3-6)

Nível de Desafio: 13

Tesouro: Dobro do padrão

Tendência: Geralmente Leal e Mau

Progressão: 12-16 DV (Grande); 17-33 DV (Enorme)

Ajuste de Nível: --
Beholder lançando raios ópticos


Combate


   Com frequência, os beholder atacam sem qualquer provocação. A despeito de sua força limitada, em geral eles saltam no meio de um grupo de oponentes de modo a utilizar todos os efeitos disponíveis em seus diversos olhos. Quando estão próximos do inimigo, os beholder procuram causar o máximo de problema possível.

Raios Ópticos (Sob): Cada um dos dez raios ópticos de um beholder é similar a uma magia lançada por um conjurador de 14º nível. Cada raio tem alcance de 45m  e a CD para o teste de resistência será 17. As CDs são baseadas em Carisma. Os dez raios ópticos incluem:
  Enfeitiçar Monstro: O alvo deve obter sucesso num teste de resistência de Vontade ou será afetado pela magia homônima. Os beholder utilizam este raio para confundir seus oponentes, em geral no início do combate. A criatura solicita às vitimas enfeitiçadas que contenham seus aliados ou permaneçam fora do confronto.
  Enfeitiçar Pessoa: O alvo deve obter sucesso num teste de resistência de Vontade ou será afetado pela magia homônima. Os beholder utilizam este raio de forma semelhante ao raio enfeitiçar monstro.
  Desintegrar: O alvo deve obter sucesso num teste de resistência de Fortitude ou será afetado pela magia homônima. Os beholder reservam este raio para qualquer inimigo que considerem uma ameaça grave.
  Medo: Semelhante à magia homônima, mas afetará apenas uma criatura. O alvo deve obter sucesso num teste de resistência de Vontade para resistir. Os beholder preferem disparar este raio contra guerreiros e criaturas poderosas no início da batalha, anulando as táticas dos oponentes.
  Dedo da Morte: O alvo deve realizar um teste de resistência de Fortitude ou será aniquilado de forma idêntica a magia homônima. Caso obtenha sucesso, o alvo sofre 3d6+13 pontos de dano. Os beholder utilizam esse raio para eliminar rapidamente os adversários mais perigosos.
  Carne em Pedra: O alvo deve obter sucesso num teste de resistência de Fortitude ou será afetado pela magia homônima. Os beholder utilizam este raio contra os conjuradores. Eles também costumam dispará-lo contra qualquer criatura de aparência interessante (depois da luta, o beholder levará a estátua para seu covil como objeto de decoração).
  Infligir Ferimentos Moderados: Idêntico à magia homônima; causa 2d8+10 pontos de dano (Vontade reduz à metade).
  Sono: Semelhante à magia homônima, mas afeta uma única criatura com qualquer quantidade de Dados de Vida (Vontade anula). Os beholder preferem utilizar esse raio contra guerreiros e outras criaturas fisicamente poderosas. Eles sabem que os demais oponentes conseguirão acordar estas vítimas facilmente, mas isso exigirá algum tempo, o suficiente para adiar um contra-ataque eficaz.
  Lentidão: Semelhante à magia homônima, mas afetara apenas uma criatura. O alvo deve obter sucesso num teste de resistência de Vontade para resistir. Esse raio costuma ser disparado contra os mesmos alvos dos raios desintegrar, carne em pedra ou dedo da morte; caso os primeiros não tenham eliminado o inimigo, este raio pelo menos o atrasará.
  Telecinésia: O beholder é capaz de mover objetos ou criaturas que tenham até 165 kg. É possível resistir ao efeitos obtendo sucesso eum um teste de resistência de Vontade.
Cone Antimagia (Sob): O olho central de um beholder emite continuamente um cone antimagia de 45 m. Ele é idêntico à magia campo antimagia (Nível do Conjurador: 14º). Todos os poderes e efeitos mágicos e sobrenaturais dentro do alcance do cone são anulados - até mesmo os próprios raios do beholder. Uma vez por rodada, durante seu turno, o beholder precisa decidir se o cone estará ativo ou não (é possível desativar o cone fechando seu olho central).

Sociedade dos Beholder
  Os beholder são agressivos, detestáveis e ambiciosos, atacando ou dominando as demais criaturas sempre que possível. Eles demonstram uma intolerância xenófoba (de estrangeiros) e odeiam todos seres diferentes deles. A descrição básica de um beholder engloba uma grande quantidade de subespécies. Alguns são cobertos com placas quitinosas sobrepostas, outros possuem uma couraça lustrosa ou tentáculos oculares semelhantes a serpentes; alguns têm articulações de crustáceos. No entanto, mesmo uma diferença simples como a cor da pele ou o tamanho do olho central são suficientes para transformar dois grupos de beholder em inimigos mortais. Cada beholder declara que a sua própria espécie ou forma é o "verdadeiro ideal de um beholder", e os demais são meras cópias deformadas que devem ser aniquiladas.
  Os beholder geralmente escavam covis subterrâneos usando seus raios de desintegrar. O estilo arquitetônico dos beholder enfatiza as construções verticais: um covil gertalmente é constituído de vários tubos paralelos, com os aposentos localizados uns em cima dos outros. Os beholder preferem locais inacessíveis, que os inimigos da superfície alcançariam somente com extrema dificuldade.

Um comentário:

  1. CARACA! :O
    esse bicho é mal, pow !
    mas até que é interessante essa história :)

    ResponderExcluir